Já estão à venda os novos cartões-postais Resende de ORo

sexta-feira, 30 de setembro de 2005


Franceses apontam suas câmeras para a imagem do Cristo na Catedral
(Foto AFP)

Share

Cristo projetado em Paris

Do UOL Notícias

Em homenagem ao Ano do Brasil na França, imagem do Cristo Redentor é projetada na fachada da Catedral de Notre Dame, em Paris.

Share

Juiz ladrão cobra R$ 15 mil por entrevista

Fábio Seixas, da Folha Online

No dia em que deixou a carceragem da Polícia Federal, Edilson Pereira de Carvalho tentou emplacar uma nova fonte de renda. De sua casa em Jacareí (75 km a leste de São Paulo) e por intermédio de um amigo, Daniel de Oliveira, ele colocou em leilão sua primeira entrevista exclusiva. O valor do lance inicial, R$ 15 mil, ou uma vez e meia o que ele confessou cobrar para arranjar resultados de partidas de futebol.

Motorista do Golf prateado placas CQE-9936, de Jacareí, que levou o juiz e sua família de São Paulo para a cidade do Vale do Paraíba, na madrugada, Oliveira atuou como contato com a imprensa, ontem à tarde. Ele era a única pessoa a transitar da casa de Carvalho, que fica nos fundos do condomínio Residencial San Marino, até o portão de entrada.

Além de repórteres, o portão do condomínio do juiz, na periferia da cidade, concentrava ontem curiosos. De tempos em tempos, ônibus fretados transportando funcionários da Embraer quebravam o silêncio. Debruçados para fora das janelinhas, eles entoavam o coro "ladrão, ladrão, ladrão".

Share

Ex-petistas, unidos no PSOL, jamais serão vencidos


Babá, Maninha, Chico, Luciana e outros, posam com Heloísa Helena

Share

Parlamento Europeu analisa os blogs

Do jornal Le Monde

Estará a mídia tradicional ameaçada pelas páginas pessoais, os blogs, que crescem a uma velocidade vertiginosa?

O Parlamento europeu convidou jornalistas a debater esta questão na ocasião do lançamento de seu novo site (www.europarl.eu.int). Guido Baumhauer, redator chefe da rádio Deutsche Welle, recordou que existem 31 milhões de blogs na internet e que são criados 80 mil por dia.

Vários autores os lançam com o objetivo de completar ou de contradizer as informações da imprensa tradicional, seja ela escrita, audiovisual ou até mesmo eletrônica. Adrian White, secretário-geral da Federação Internacional de jornalistas estimou que "os sites dos órgãos de imprensa tradicionais, como a BBC ou a CNN serão sempre solicitados, porque as pessoas desejam ter uma informação confiável", o que não é o caso dos blogs, que não indicam, por exemplo, a origem de suas informações.

O problema se tornou delicado porque numerosos jornalistas se tornaram blogueiros. Eles costumam editar informações que não aparecem em seus próprios órgãos de imprensa. O parlamento europeu solicitou a instauração de um direito de resposta em relação à mídia eletrônica, principalmente em relação a possíveis informações difamatórias e intrusões na vida privada.

Publicado no Blog do Cesar Maia (link nos Favoritos do RA).

Share

quinta-feira, 29 de setembro de 2005


Vista aérea parcial (e inédita) da aniversariante do dia

Share

Resende completa 204 primaveras

Neste dia especial, o RA não poderia deixar de prestar uma pequena homenagem à musa maior, verdadeira razão de sua existência e inspiração constante na labuta diária de produzir as imagens que ilustram - há alguns anos - os cartões-postais da cidade, o saudoso livro "Resende - De Pontes, Rios e Sonhos", o blog que vos fala e os folhetos, folders, banners e quadros solicitados por empresas locais.

E tudo começou no ano da graça de 1999, quando resolvi colocar à venda no Bazar Agulhas Negras uma série de fotos da cidade, impressas no laboratório profissional da Kodak (o Fotosfera, no Rio de Janeiro) em papel fotográfico comum. Com a boa aceitação do projeto, achei que seria interessante colar as fotos em uma base de papel vergé e imprimir no verso o mesmo desenho de um cartão-postal. Nascia, assim, a série Fotos-Postais, produzida artesanalmente até o início de 2004, quando deu lugar à atual Coleção Postais de Resende.

Muitos falam que minhas fotos não reproduzem a realidade da cidade, que Resende não teria - nem de longe - a beleza que aparenta nos postais. Nunca concordei com esse pensamento, mesmo porque, jamais fiz uso de truques fotográficos (digitais ou não) para melhorar uma cena gravada no filme. O segredo de uma boa foto urbana está, basicamente, no enquadramento, naquilo que o fotógrafo considera importante ser registrado. Isso significa que em meio a ruas esburacadas, luminárias quebradas e quilômetros de fios de alta-tensão embolados diante de prédios históricos em decomposição, é sempre possível selecionar um ângulo que não mostre nada disso.

Poderia, é claro, fazer o oposto, só fotografar o lado feio da cidade (o que, convenhamos, seria muito mais fácil, em meio a tantos problemas). Mas, nesse caso, seria obrigado a mudar completamente o meu estilo e, também, procurar uma profissão paralela para sobreviver, já que não haveria mercado para imagens tão desagradavelmente realistas. Prefiro continuar explorando a beleza (enquanto ela houver) e acreditar na utopia de que, um dia (mesmo contrariando o poeta), as imagens corresponderão aos fatos.

Parabéns Resende!

Share


Os ribeirinhos serão prejudicados com a transposição das águas do rio

Share

quarta-feira, 28 de setembro de 2005

A vida pelo Velho Chico

Dom Frei Luiz Flávio Cappio, bispo diocesano de Barra (BA), está em greve de fome desde segunda-feira (dia 26), com o objetivo de forçar o governo a desistir do Projeto de Transposição do Rio São Francisco. O bispo enviou uma carta ao Presidente Lula e uma declaração, registrada em cartório, expondo as suas razões.

"Permanecerei em greve de fome, até a morte, caso não haja uma reversão da decisão do Projeto de Transposição", afirma o religioso na declaração. E faz um apelo:

"Caso o documento de revogação, devidamente assinado pelo Exmo. Sr. Presidente, chegue quando já não for mais senhor dos meus atos e decisões, peço, por caridade, que me prestem socorro, pois não desejo morrer".

"Este gesto extremo pretende garantir que o Governo Federal reveja sua decisão de levar adiante o projeto de transposição. No presente momento, a posição inflexível de realizar a qualquer custo esta polêmica e desastrosa obra, impede que um verdadeiro debate sobre as ações necessárias para garantir qualidade de vida e segurança hídrica ao povo do Nordeste aconteça. Quando a razão esgota suas possibilidades, é necessário que gestos de outra natureza e profundidade entrem em ação", explica um documento distribuído pela Diocese.

No Blog do Gabeira, onde tomei conhecimento desse dramático e preocupante fato, vocês poderão ler as íntegras da declaração acima e da carta enviada ao presidente Lula. Diante da gravidade da situação, já existe um abaixo-assinado virtual endereçado ao presidente, pedindo que ele suspenda o polêmico projeto de transposição a tempo de salvar a vida do Frei Luiz Flávio que, ao que tudo indica, levará até o fim o seu propósito. Eu acabei de assinar e fui o número 140 da lista. Quem quiser dar uma força, basta colocar o nome e o e-mail na petição em solidariedade ao bispo. Caso haja dúvidas em relação ao projeto do governo, existem links no blog para artigos de jornais que tratam do assunto.

Para conhecer de perto o drama de Frei Luiz Flavio, saber tudo sobre o Projeto de Transposição do Rio São Francisco e assinar a petição, clique aqui.

Share


Rebelo é carregado em triunfo por seus comparsas (Folha Imagem)

Share

Aldo Rebelo é o novo presidente da Câmara

Por uma diferença de apenas 15 votos, Aldo Rebelo (PCdoB/SP), o candidato do governo, foi eleito presidente da Câmara dos Deputados, derrotando José Thomás Nonô (PFL/AL), o preferido da oposição. Eis o resultado final da votação que terminou minutos atrás:

Aldo Rebelo - 258 votos
José Thomás Nonô - 243 votos

Votos brancos - 6
Votos nulos - 2

Parabéns Noblat

O RA parabeniza o colega Ricardo Noblat pela derrota de José Thomás Nonô. Isso porque nosso intrépido blogueiro poderá, assim, continuar aproveitando a sua semelhança física com o nobre deputado para entrar nas dependências da Câmara sem o uso de crachá (proibido aos jornalistas de blogs). Caso Nonô fosse eleito, o truque do Noblat logo seria descoberto, já que o presidente da Câmara utiliza acesso exclusivo, carro oficial e está sempre cercado de seguranças.

Share

Sucessão na Câmara

Resultado do primeiro turno:

José Thomaz Nonô (PFL/AL) - 182 votos
Aldo Rebelo (PCdoB/SP) - 182 votos
Ciro Nogueira (PP/PI) - 76 votos
Luís Antônio Fleury (PTB/SP) - 41 votos
Alceu Collares (PDT/RS) - 18 votos

Nulos - 3
Brancos - 5
Total de votos válidos - 504

Total de votos - 507 (de 513 deputados)

Fonte: Blog do Noblat (link nos Favoritos do RA).

Share


Made in Brazil

Share

Deu no Financial Times

A Brazilian beverage company has had success with a drink based on the energy-giving guaraná fruit. Now it plans to win new customers in Spain, Portugal and Japan.

Share

Votação decidirá o destino do governo brasileiro

Jonathan Wheatley, do Financial Times

O governo brasileiro, que vem tendo a sua resistência submetida à prova no decorrer de quatro meses de um escândalo relativo a compra de votos e financiamento ilegal de campanha, enfrenta um novo desafio hoje com a eleição de um novo presidente para a Câmara dos Deputados. A escolha determinará o destino do governo durante os 15 meses restantes do mandato de Luiz Inácio Lula da Silva.

Caso o candidato governista vencer, será restaurada uma aparência de governabilidade a uma administração que ficou à deriva devido ao escândalo. Mas se a oposição ganhar, Lula corre o risco de se tornar um presidente "pato manco" e as suas chances de reeleição em outubro do ano que vêm se tornarão mais remotas do que nunca.

Publicado no UOL Notícias.

Share

terça-feira, 27 de setembro de 2005


Ronaldinho Gaúcho vibra com um de seus três gols marcados hoje (AFP)

Share

Grande Ronaldinho

O melhor jogador do mundo arrasou hoje jogando contra a Udinese, da Itália. Ronaldinho Gaúcho fez três dos quatro gols marcados pelo seu time, o Barcelona, em partida válida pela Liga dos Campeões da Europa.

Ronaldinho fez o primeiro, o segundo e o quarto gols do time catalão. Deco fez o terceiro, depois de uma surpreendente "deixadinha" de (quem? quem? quem?) Rrrrrrronaldinho, the best! A Udinese diminuiu a goleada com um gol do brasileiro Felipe.

Gaúcho é agora o artilheiro da Liga dos Campeões, com 4 gols, enquanto o Barça lidera sua chave com seis pontos, contra três da Udinese.

Share

A arte metafísica do argentino Xul Solar

Por Tereza Novaes, da Folha Online

É expediente comum recorrer à chancela de Jorge Luis Borges para avalizar a obra de seu conterrâneo Xul Solar (1887-1963). Em mais de uma oportunidade, Borges discorreu sobre a pintura de Xul, referindo-se a ele como o "nosso William Blake" e como o criador de "um mundo metafísico onde os deuses tomam as formas da imaginação dos que sonham".

O artifício de citar o mais celebrado autor argentino talvez seja justificável diante do fato de Xul permanecer praticamente desconhecido do grande público. Autor de uma obra autêntica que espelhou suas aspirações e pesquisas em várias áreas do conhecimento, Xul não tem par entre os artistas da vanguarda latino-americana do começo do século passado. Mais do que um artista, foi um visionário e utopista.

Comparado a Klee e Kandinsky, Xul desenvolveu seu trabalho em pequenos formatos, quase sempre com aquarela ou têmpera e com exuberância de cores. Criou uma obra complexa e lírica, explorando sobretudo temas relacionados às suas experiências místicas.

É justamente esse viés que costura as 130 obras da exposição "Xul Solar - Visões e Revelações", que pode ser vista desde o último sábado na Pinacoteca do Estado, em São Paulo.

"A mostra sublinha basicamente a problemática espiritual, que assinala a permanente busca dele por estabelecer um vínculo profundo com a religiosidade como forma de elevação do ser humano", explica Patricia Artundo, curadora da mostra, que já passou pelo Malba, em Buenos Aires, e segue depois para Houston (EUA) e para a Cidade do México.

"Xul Solar - Visões e Revelações" estará aberta à visitação até 30 de dezembro, de terça a domingo, das 10h às 17h30, na Pinacoteca do Estado (praça da Luz, 2, Bom Retiro, São Paulo, tel.: (11) 3229-9844), com ingresso a R$ 4,00 (aos sábados, entrada franca).

Share


"Horóscopo de Xul Solar" (1953)

Share


"Palacios en Bría" (1932)

Share


"Ciudá y Abismos" (1946)

Share

O Sol, um sonho destruído mas inesquecível

Milton Coelho da Graça, do site Comunique-se

A platéia aplaude com entusiasmo no meio do filme, quando o professor de jornalismo José Ribamar Bessa recorda sonhos juvenis no filme sobre o jornal carioca O SOL (1965-1968), onde trabalhou como repórter:

“Eu tinha o sonho de mudar o mundo. Depois, vi que o mundo era muito grande e passei a querer mudar só o Brasil. Mas descobri que isso também era impossível e reduzi o sonho para a Amazônia. Ainda era muito e passei a me dedicar somente a mudar a Universidade e, depois, só ao meu departamento. E não consegui mudar o departamento.”

Até agora estou em dúvida: os aplausos se identificavam com o desencanto ou com a descoberta de que o sonho acabou, como anunciou John Lennon, e a luta nunca pode desprezar a realidade?

O Sol Caminhando Contra o Vento é um filme imperdível. Produzido e dirigido por Tetê de Moraes, com roteiro de Marta Alencar, mostra a equipe que se reuniu em torno do projeto de Reinaldo Jardim – poeta, como ele mesmo se define, antes de ser jornalista – Otto Maria Carpeaux, velho combatente das liberdades na Áustria e no Brasil, e de Ana Arruda, jovem editora-chefe. O SOL em quase toda a sua vida foi um suplemento político-cultural do Jornal dos Sports, com design inovador e temas rebeldes.

O fundo musical é supercoerente – Alegria, alegria – e o próprio Caetano Veloso explica que "caminhando contra o vento, sem lenço e sem documento" expressava a sua dúvida entre a participação num grupo organizado contra a ditadura e o protesto individualista. A redação de O SOL seguia, quase toda, o dilema de Caetano e, diante da tragédia do AI-5, ocorrida pouco depois do fim do jornal, desintegrou-se e os fragmentos tomaram rumos diversos: luta armada, exílio, drogas, crescimento pessoal ou até simples caretice.

Não percam. Os mais velhos reencontrarão sua juventude, os mais jovens terão uma ótima oportunidade para rever seus projetos de velhice.

Share

Resultado da enquete do Noblat

O PT se diz vítima de complô e ataques das elites, tudo apoiado pela mídia. Na sua opinião, isso é verdade?

SIM - 46%

NÃO - 54%

Total de votos -> 12.551

Publicado hoje no Blog do Noblat (link nos Favoritos do RA).

Share

O humor de luto


Adeus, Agente 86

Share


Adeus, Golias

Share

A Diáspora Petista

Os que saíram do PT até ontem:

Cristovam Buarque - Senador pelo DF, foi para o PDT.
André Costa - Deputado federal pelo Rio, foi para o PDT.
João Alfredo - Deputado federal pelo Ceará, foi para o PSOL.
Ivan Valente - Deputado federal por São Paulo, foi para o PSOL.
Orlando Fantazzine - Deputado federal por São Paulo, ainda não decidiu para que partido vai.
Chico Alencar - Deputado federal pelo Rio, formaliza a saída hoje e deve ir para o PSOL.
Maninha - Deputada federal pelo DF, deve ir para o PSOL.
Plínio de Arruda Sampaio - Fundador do PT, saiu ontem e vai para o PSOL.
Hélio Bicudo - Fundador do PT e ex-vice-prefeito de São Paulo, deixou o partido ontem e ainda escolhe uma nova legenda.

Outros: além do senador Cristovam e dos deputados federais, outros da bancada na Câmara devem formalizar a saída nos próximos dias. Também já deixaram o PT dezenas de deputados estaduais e vereadores, além de sindicalistas e integrantes de movimentos sociais. Desligaram-se ainda do partido petistas que até então eram dirigentes do PT, como Vilmar Lacerda (que era vice-presidente do PT no Distrito Federal) e Antonio Carlos de Andrade (que era secretário-geral do PT do DF), além de integrantes da CUT.

Publicado hoje no Blog do Cesar Maia (link nos Favoritos do RA).

Share

segunda-feira, 26 de setembro de 2005


Quadro a quadro, o tombo que colocou no estaleiro a musa do Pânico

Share

Sabrina se recupera do acidente com avestruz

A eterna BBB Sabrina Sato caiu do avestruz durante uma gravação do Pânico na TV, semana passada. Com algumas escoriações nas belas pernas e dores na coluna, Sabrina se recupera do tombo em repouso absoluto (ontem, domingo, ela não compareceu ao programa de bobagens da Rede TV).

Até o seu blog, Sabrina Sato, está desatualizado desde o dia 17/9. No entanto, as últimas fotos, postadas ontem por Renan Conde, mostram o acidente passo a passo. Como dá para perceber, o negócio foi sério (e poderia ter sido pior). Nós aqui do RA, estamos torcendo pela breve recuperação da fulgurante estrela. Volte logo, Sá! A televisão brasileira não é a mesma sem você.

Share

Provocação pela culatra

Do novíssimo Blog do Juca Kfouri:

Márcio Braga quis apenas motivar o clássico entre Flamengo e Corinthians ao dizer que não conhecia Carlitos Tevez. Faz parte do futebol e não tem nada demais.

Só ficou chato constatar que o torcedor rubro-negro não deu a menor bola, tanto que só pouco mais de 8 mil pessoas foram ao jogo.

Já Tevez se apresentou com muito prazer e dois gols.

Publicado hoje, na estréia do Blog do Juca.

Share

400 filiados deixam PT e aderem ao PSOL

Flávia Marreiro, da Folha Online

Em repúdio à crise, à política econômica e aos resultados da eleição interna do PT, um grupo de 400 petistas - representantes de movimentos sociais de todo o país, a maioria sindicalistas -, realizaram ato ontem em São Paulo para se desfiliar do partido e ingressar no PSOL.

Reunião de dissidentes da CUT (Central Única dos Trabalhadores) e das tendências da esquerda petista Articulação de Esquerda e da Democracia Socialista, o grupo afirma que o resultado da eleição do PT, em especial o das chapas, que define os cargos da cúpula, demonstrou que o Campo Majoritário continuará no controle.

Segundo Francisvaldo Mendes, da Executiva da CUT, o objetivo dos dissidentes é refazer no PSOL um diálogo com os movimentos sociais, "ocupar esse espaço que foi abandonado pelo PT".

Share

domingo, 25 de setembro de 2005

A Alonsomania toma conta da Espanha


Uma multidão comemora nas ruas de Oviedo, cidade natal de Alonso
(Foto Reuters)

Share


Um banho de champanhe com a taça da vitória (Foto El País)

Share


Alonso comemora dentro do Renault o título de campeão da F1
(Foto El País)

Share

Alonso, campeón

Do jornal El País

El asturiano Fernando Alonso se ha proclamado campeón del mundo de fórmula 1 en el Gran Premio de Brasil. El piloto de Renault ha terminado tercero, por detrás de Juan Pablo Montoya y Kimi Raikkonen.

Alonso suma ahora 23 puntos más que el finlandés, una distancia insalvable en los dos premios que quedan, el GP de Japón y China. Su progresión ha sido tan espectacular que a sus 24 años se ha convertido en el piloto más joven en ganar el título.

Share


José Dirceu continua repelindo acusações sem provas
Foto do site Todo Dia

Share

Dirceu afirma que Lula também é responsável

De Mônica Bergamo, da Folha Online

Em entrevista exclusiva à Folha de São Paulo deste domingo, o ex-ministro José Dirceu diz que estratégia eleitoral do PT foi definida em conjunto, mas nega que presidente tivesse conhecimento do caixa dois:

"Pode deixar. Vou falar com o Renan. Vou falar com o Sarney. Vou ligar já. Acho que dá o Aldo." José Dirceu desliga o telefone. Que toca em seguida: "Meu governador!".

Sentado no sofá de seu apartamento na Asa Sul de Brasília, o ex-ministro passou parte da manhã de sexta-feira ajudando na articulação para fazer do ex-ministro da Coordenação Política Aldo Rebelo (PC do B-SP) presidente da Câmara. Dirceu tem acordado cedo. Faz ginástica, toma café da manhã e vai para o escritório do apartamento. Lê documentos, prepara sua defesa, reúne-se quase diariamente com assessores e advogados. À tarde, vai para a Câmara.

Na sexta-feira, interrompeu a maratona de telefonemas e reuniões para atender a Folha, em sua primeira entrevista exclusiva após a explosão do escândalo do "mensalão". Em alguns momentos, falou como se julgasse sua cassação inevitável. "Eu vou continuar na luta política e social, não vou sair." Em outros, fez uma defesa veemente de seus atos. "Eu tenho convicção de que vou ser absolvido. Não há provas contra mim."

Dirceu diz que passa pela situação mais dura de sua vida. "Espero que eu tenha força para sobreviver ao momento que estou vivendo." O ex-ministro reconhece que tem uma parcela da culpa pela atual crise do PT, mas afirma que não foi o único responsável pela definição da linha política do partido:

"Parece que fui presidente do PT sete anos sozinho, secretário-geral cinco anos sozinho, né? O PT não foi construído assim".

Entre os responsáveis pela crise, ele inclui o próprio presidente, que participava das discussões partidárias. Dirceu deu nota 7,5 ao governo Lula e nota 5 para Antonio Palocci. Criticou a falta de investimentos em infra-estrutura e na área social resultantes da prioridade excessiva concedida ao ajuste fiscal. Reclamou também da linha política adotada por Lula, que preferiu alianças com partidos menores a um acordo estratégico com o PMDB:

"Um acordo com o PMDB daria estabilidade ao governo. Eu sempre disse ao presidente que o governo não podia perder a maioria na Câmara e no Senado. Que perder a maioria seria caminho para CPI e que CPI é caminho para tentar desestabilizar e inviabilizar o governo".

Leia a seguir os principais trechos da entrevista com o ex-ministro, que durou quase quatro horas:

Folha - O senhor declarou recentemente que tem responsabilidade política sobre a crise do PT e que, ao contrário de muitos, não foge dessa responsabilidade. Assume seus erros. Quem não assume?

José Dirceu - Muita gente. Parece que eu fui presidente do PT sete anos sozinho, secretário-geral cinco anos sozinho, né? O PT não foi construído assim. Tem dezenas de dirigentes importantes que hoje são prefeitos, governadores, ministros, deputados e senadores que participaram da construção de toda essa estratégia comigo.

Folha - E o presidente.

Dirceu - E o próprio presidente da República. É isso o que eu digo. A responsabilidade é de todos nós. Nós temos que debater isso, num congresso do partido, e fazer o balanço.

Folha - O senhor acha que o presidente da República assume a responsabilidade que tem?

Dirceu - Não quero nominar ninguém. O que eu não aceito é prejulgamento, que foi tudo errado, que foi tudo um fracasso, que a política de alianças do PT estava errada. Tudo foi aprovado democraticamente. A não ser que eu aceite a tese de que eu era stalinista, rolo compressor, que controlava o partido, o governo.

Folha - O presidente Lula participou de todas essas discussões?

Dirceu - Participou. Todos participaram. Mas eu quero discutir e avaliar. Eu não quero julgar ninguém porque eu não quero que me prejulguem. O que não aceito é a imagem de que eu fiz tudo sozinho e depois apareceu Silvio Pereira, Delúbio Soares e Marcelo Sereno, que são o mal. Então corta esse mal e o PT está salvo. Isso é maniqueísta. E eu não mereço isso. Pelos anos que dediquei ao PT, pela luta que eu fiz no PT, o mínimo que eu mereço é respeito.

Folha - Qual é a sua responsabilidade?

Dirceu - Eu tenho responsabilidade política. É lógico que eu tenho. Eu fui presidente do PT. Agora, eu não tive responsabilidade sobre as decisões da direção do PT a partir do dia em que saí da presidência. E isso o (José) Genoino (ex-presidente do PT) diz. Nem sobre as decisões do Delúbio. Nem o Delúbio me cobra. Ele assume. Responsabilidade sobre política de alianças, sobre programa de governo de Lula, é isso que vão julgar? Então estão julgando o Lula também. Tem de saber qual é o julgamento e qual é o grau de responsabilidade de cada um.

Folha - E qual é o grau de responsabilidade do presidente Lula?

Dirceu - Não pode haver paralelo entre os dirigentes e o Lula porque ele não era dirigente do PT. Era presidente da República. Não participava das decisões do PT.

Folha - Dívidas de campanha do presidente Lula, de 2002, foram pagas com dinheiro de caixa 2.

Dirceu - Ele não tinha conhecimento disso, ele não sabia. Ele não pode ser responsabilizado.

Folha - E a responsabilidade política? As pessoas votam no Lula e ele não sabe de nada? É difícil acreditar que ele ignorava tudo.

Dirceu - Não é isso. É que ele não tem responsabilidade. Eu não posso atribuir responsabilidade a ele no grau dele. O Lula tem responsabilidade política porque ele era líder do PT. Mas os graus são diferentes. Não posso atribuir a ele responsabilidade sobre o caixa dois. Aí eu não vou atribuir.

Folha - Ele não tem responsabilidade como liderança?

Dirceu - Isso é uma pergunta que tem de ser dirigida a ele. Eu não vou responder por ele.

Folha - Voltando à sua própria responsabilidade: todos falam que o senhor mandava no PT, mesmo estando no governo.

Dirceu - Era humanamente impossível, pelo ritmo de trabalho e pelo acúmulo de funções que eu tinha no governo. É só pegar a minha agenda da época. Eu trabalhava 14, 16 horas. Só viajava a trabalho. Eu ia às reuniões da executiva do PT -poucas -convidado, com outros ministros, para prestar contas de atos do governo.

Folha - Delúbio Soares telefonou várias vezes para seus números no Palácio do Planalto.

Dirceu - Meu Deus do céu, o Delúbio ligou uma vez por mês para mim, gente. Isso é uma coisa ridícula.

Folha - Os telefonemas estão concentrados na época da campanha.

Dirceu - Eu não participava da vida do PT. Eu falava com o Delúbio uma vez por mês, duas vezes por mês, no máximo. Falava mais com o Genoino. Se eu tivesse participado, assumiria. Agora, estão tentando de novo satanizar o PT. O PT era o quê? Um bando de lunáticos e de esquerdistas que queriam implantar o comunismo no Brasil. Uns baderneiros. Nós construímos um grande partido, que lutou pela democracia no país, desenvolveu políticas públicas. O PT fez uso de caixa dois, de mercantilização de campanhas. Tudo bem: vamos fiscalizar, a Justiça Eleitoral vai tomar as medidas. Só que virou que o PT é um partido de corruptos e quadrilheiros. E sem prova nenhuma. É engraçado: falam que existe "mensalão", mas não terminou a CPI do Mensalão nem a dos Correios. E cassaram o Roberto Jefferson porque ele disse que tinha "mensalão" e não provou. Não se provou corrupção do governo, dos ministros, do presidente. Não se provou a existência de um sistema para levantar recursos para repassar para A ou B. Nem que tem "mensalão".

Folha - Está provado que muitas pessoas da base do governo pegaram dinheiro do caixa dois e do Marcos Valério.

Dirceu - Os partidos (PL, PP e PTB) assumiram que receberam dinheiro. Mas isso não quer dizer que o governo é corrupto e que o PT é corrupto.

Folha - As pessoas que votaram no PT a vida inteira imaginavam que votavam num partido que tinha práticas diferentes.

Dirceu - Esse é um erro e o PT vai pagar por ele. Nós vamos ter que pedir desculpas ao país. Nós assumimos compromissos na campanha eleitoral com partidos e repassamos recursos. Se fossem da arrecadação oficial do PT, não teria problema nenhum. Como foram recursos de empréstimos tomados num banco e foram repassados fora da prestação de contas, há uma ilegalidade aí que vai ser punida pela Justiça.

Folha - Mas fazer aliança baseada na doação de recursos para um partido, e não de idéias e propostas, não é a mesma imoralidade?

Dirceu - Não, não, porque na campanha eleitoral você tem gastos comuns. O PL, por exemplo, pôs o vice (José Alencar) na campanha (presidencial de Lula) e se assumiu um compromisso comum de que uma parte da arrecadação da campanha de 2002 seria destinada ao PL. E na campanha de 2004 foram firmados acordos eleitorais em várias cidades, com o PTB e o PP.

Folha - Mas o acordo com o PTB foi baseado na doação de R$ 20 milhões, e não em propostas.

Dirceu - Mas daí não se pode concluir que o PT é um partido corrupto. E não se pode apagar a história do PT. Veja o meu caso: é como se eu não tivesse história. Eu fui desumanizado, eu não existo mais. Eu sou uma pessoa que tem 40 anos de vida política, nunca fui acusado de nada.

Folha - Mas o senhor não acha que é justamente por sua história, e pela história do PT, que existe a cobrança de que tivessem sido adotadas outras condutas?

Dirceu - O problema não é a cobrança. O problema é, sem provas, dizer que eu sou o chefe do maior esquema de corrupção no país, que eu sou o chefe do "mensalão". Não há prova nenhuma. E não vai se provar porque não era verdade. Não havia "mensalão" para comprar votos. Eram acordos eleitorais. Não havia desvio de dinheiro público.

Folha - De onde é que vinha todo esse dinheiro?

Dirceu - O dinheiro veio dos empréstimos feitos (pelo PT e por Marcos Valério) no Banco Rural. É que não se quer aceitar essa tese. Hoje o relator da CPI (Osmar Serraglio) está dizendo que o dinheiro veio do Daniel Dantas e dos fundos de pensão. Ele não tem prova nenhuma. Mas ele diz. Isso é o que virou o Brasil.

Folha - O próprio vice-presidente José Alencar afirmou não acreditar que o dinheiro seja originado de um empréstimo, como o PT alega.

Dirceu - Isso aí o Banco Central pode responder. Evidentemente que o vice-presidente ou qualquer outro cidadão pode suspeitar. Agora, as CPIs não provaram o contrário. Não provaram que tem dinheiro de empresa estatal desviado para o PT ou outros partidos. E nem contratos superfaturados. E nem dinheiro de empresas privadas. O dinheiro vem dos empréstimos.

Folha - Mas quem pagaria esses empréstimos?

Dirceu - O PT teria de pagar esses empréstimos.

Folha - De onde o PT ia tirar esse dinheiro?

Dirceu - Em tese o PT não tem como pagar esses empréstimos, por isso está falando que não assume. Mas na verdade esses recursos foram repassados para o PT, e por ordem do Delúbio Soares, para pagamentos.

Folha - A crise atual não é uma conseqüência da política de alianças com esses partidos, e de decisões como a contratação de Duda Mendonça? Ninguém perguntava, por exemplo, como é que se pagaria R$ 25 milhões para o Duda?

Dirceu - O erro não foi ter feito política de alianças e ter contratado o Duda. Foi ter feito caixa dois. Não havia polêmica por causa dos custos do Duda, mas sim por causa da orientação, até porque em 2002 tínhamos como pagá-lo oficialmente. Quem era contra o Duda era contra a política de aliança, contra o programa de governo. Lula não ia ser presidente, não ia governar o Brasil nunca. Eu não creio que a raiz (da crise) está no programa que construímos e na política de alianças. A forma como o PT assimilou a mercantilização das campanhas foi, sim, um erro. Nós poderíamos ter equilibrado mais a questão do marketing com a mobilização da militância. Já a política de alianças era necessária. Não é um erro fazer aliança com o PL. Outra coisa é discutir qual era a aliança prioritária.

Folha - E qual era, na sua opinião?

Dirceu - Eu acho que era o PMDB. Eu perdi isso no governo várias vezes. Um acordo com o PMDB daria estabilidade ao governo. Eu sempre disse ao presidente que o governo não podia perder a maioria na Câmara e no Senado. Que perder a maioria seria caminho para CPI e que CPI é caminho para tentar desestabilizar e inviabilizar o governo. O que a oposição está querendo? Dar um golpe branco. Não querem investigar os Correios, apurar se tem corrupção e adotar medidas. Outro erro que acho que cometemos foi não ter feito a reforma política. E foi um erro nós, que saímos do PT para o governo, termos simplesmente dado as costas para o PT. Nós deveríamos ter participado mais. E combinado a governabilidade institucional com a social, a mobilização social. O PT se desmobilizou. Nós não equilibramos de maneira adequada a governabilidade institucional com a governabilidade social.

Folha - O senhor teve outras divergências com o presidente Lula?

Dirceu - Eu quis sair do governo em dois momentos (não saí e acho que errei): primeiro no caso Waldomiro (Diniz). Entreguei o cargo para o presidente e ele não aceitou. Tudo bem. Acabou. Depois em março de 2005. Primeiro porque a oposição transformou a minha presença num problema para o governo. Tudo o que eu falava ou fazia se transformava numa crise. Em segundo lugar porque algumas opiniões que eu tinha sobre política econômica e desenvolvimento do país, e sobre a política, não predominavam no governo.

Folha - Qual era a sua discordância?

Dirceu - A minha divergência é de foco e de prioridade. Eu sou favorável à estabilidade fiscal, monetária e ao combate à inflação. Mas estou convencido de que poderíamos ter destinado mais recursos para infra-estrutura, para o social. O ritmo e o peso foi cada vez maior no ajuste fiscal e monetário e cada vez menor na política de desenvolvimento.

Folha - Que nota o senhor dá para o governo?

Dirceu - Eu dou 7,5. O governo tem grandes avanços, na área da educação por exemplo.

Folha - E para o Palocci?

Dirceu - Eu dou nota 10.

Folha - Ninguém vai acreditar (risos).

Dirceu - Dou nota dez porque ele foi capaz de controlar a inflação, estabilizar o país. E dou nota zero se for analisar pelo lado da política do desenvolvimento. Então dou nota 5.

Folha - E para o senhor?

Dirceu - Para mim? Nota zero.

Folha - Por quê?

Dirceu - Na situação em que eu estou, né?

Share


Meu amo, você tem direito a um desejo

Share

Bancando Aladim

Por Mayra Stachuk, Mariliz Pereira Jorge e Roberto de Oliveira
Da Folha Online

A Revista da Folha de hoje publica uma pesquisa sobre o que os paulistanos mais pediriam ao gênio.

Responda à pergunta:

Se você encontrasse uma lâmpada mágica e dela saísse um gênio que lhe desse direito a apenas um desejo, qual desses você escolheria?

Ter muita saúde - Total 46% (homens 39% e mulheres 53%)

Ter uma família feliz - Total 29% (homens 31% e mulheres 27%)

Ser muito rico(a) - Total 10% (homens 12% e mulheres 8%)

Ser muito inteligente - Total 7% (homens 10% e mulheres 5%)

Viver um grande amor - Total 4% (homens 4% e mulheres 5%)

Ser famoso(a) - Total 1% (homens 1% e mulheres 1%)

Ser lindo(a) - Total 0 (homens 0 e mulheres 0)

A pesquisa (feita pela Datafolha) ouviu 637 pessoas com 16 anos ou mais. A margem de erro é de quatro pontos para mais ou para menos. A pesquisa não considera casas decimais, portanto os números são arredondados.

O único desejo dos famosos

"Como único desejo pediria ao gênio que me concedesse todos os desejos. Me deixa escolher duas, vai... Ok.... Viver um grande amor eu já consegui, ser famosa relativamente posso dizer que já sou e uma família feliz também já tenho... Portanto, minhas duas escolhas são: a inteligência, porque através dela conseguiria ser rica, e a saúde, porque sem ela não dá para ficar tão inteligente assim a ponto de ficar rica."
Rita Lee, 57, cantora.

"Uma família feliz. Meu eixo de equilíbrio está deslocado para minha família, minha capacidade de usufruir a vida está condicionada ao bem-estar dela." Roberto de Carvalho, 52, músico.

"Eu escolheria sem dúvida uma família feliz. Hoje, na maturidade, eu concluí que a única coisa que me deixa aflita é a felicidade dos meus filhos, se eles estão bem, se estão sendo aceitos, sendo amados. Fico arrasada quando um deles está triste. Então, pensando nessa relação mãe e filho que é neurótica sempre, escolho isso. Fora isso não tenho o que pedir a gênio nenhum." Marilia Gabriela, 56, jornalista.

"Ter uma família feliz, sem isso, não importaria as outras coisas. E ser invisível, porque poderia fazer tudo sem as pessoas ficarem me seguindo etc." Daiane dos Santos, 21, ginasta.

"Muita saúde, por motivos óbvios." Nando Reis, 42, músico.

"Ter muita saúde, óbvio. Como minha mãe já me acha lindo, sou mais famoso do que gostaria, vivo um grande amor há muitos anos, me julgo suficientemente inteligente, ganho dinheiro trabalhando e tenho uma família feliz, optaria por muita saúde. Para poder continuar aproveitando todo o resto." Washington Olivetto, 53, publicitário.

"Entre essas alternativas eu diria saúde, porque já tive câncer e sei o valor que ela tem. Mas o que eu queria mesmo era ser o próprio gênio. Poder assistir a tudo, ouvir o que as pessoas falam e ainda ter o poder me me teletransportar num piscar de olhos para onde quisesse. Poderia aparecer quando quisesse na Itália para visitar meus netos."
Costanza Pascolato, 65, consultora de moda.

"Um grande amor. Amor é alimento, com ele, todas as outras coisas acontecem."
Adriana Garambone, 35, atriz.

"Ter muita saúde. É uma resposta careta, mas, com ela, a gente conseguiria atingir todos os outros objetivos. Teria ânimo e destreza para alegrar meus familiares, trabalhar e conquistar o meu sucesso."
Matheus Nachtergaele, 35, ator.

"Eu escolheria ser muito lindo! Acho que com isso todo o resto viria mais facilmente." Aguinaldo Silva, 61, autor de novelas.

Share

Manchetes do domingão da Fórmula Um

O Globo: "Governo Lula criou 34 estatais em 33 meses" - Total subiu de 108 para 137; uma foi extinta e 4 privatizadas. "Juiz é preso em escândalo no futebol" - Árbitro acusado de armar resultados pode causar a anulação de 11 jogos do Brasileiro.

Jornal do Brasil: "O diário do mensalão" - Pesadelo dos escândalos:

* Um ano depois de o JB denunciar a existência do mensalão, um deputado foi cassado, dois renunciaram e 16 aguardam julgamento. A Câmara se prepara para escolher um novo presidente.

* Passados três meses desde a instalação da primeira de três CPIs que investigam propina no governo Lula e compra de votos de deputados, 11 perguntas ainda esperam respostas.

* Se a suspeita de pizza ronda o Congresso, a Polícia Federal apressa sua parte. Nas próximas semanas começa a indiciar parlamentares por crime de sonegação e corrupção.

Folha de São Paulo: "PT vai pagar por caixa 2, diz Dirceu" - No 'pior momento de sua vida', ex-ministro afirma que partido cometeu ilegalidade, será punido pela Justiça e deve desculpas ao país.

Share


Três temas diferentes nas capas das revistas semanais

Share


Passeata contra Bush reúne 100 mil em Washington
(Foto NYT)

Share

sábado, 24 de setembro de 2005

Americanos acordam para o absurdo da guerra

Por Temis Tormo, da Agência EFE

Cem mil pessoas contrárias à guerra do Iraque se reuniram hoje, na maior manifestação de repúdio ao presidente George W. Bush registrada em Washington, aproveitando a realização da Assembléia anual do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial (BM). Pela primeira vez desde os atentados de 11 de setembro foi autorizado que uma manifestação passasse pelo trecho da Avenida Pensilvânia, diante da residência do presidente.

"É preciso se mobilizar", disse Laura Guerra, uma manifestante de origem mexicana procedente de Chicago, que junto a um grupo de amigos viajou de ônibus à capital para criticar o recrutamento militar de hispânicos.

A maioria dos manifestantes pedia a volta das tropas para casa com cartazes, bandeiras e cores que identificavam sua procedência. Frases como "Bush mente, milhares morrem", "Fim à ocupação" ou "Qual é a causa nobre?" eram ouvidas ou lidas nos milhares de cartazes.

"Podemos ser patrióticos e pacifistas, mesmo que este Governo queira nos convencer do contrário", disse o veterano da primeira Guerra do Golfo, Dave Bills, de 34 anos e estudante de enfermagem em Austin (Texas). As formas de representar a barbárie causada pela guerra no Iraque foram tão variadas como os participantes, majoritariamente mulheres, de todas as idades, vindos de todas as partes do país, talvez com a única exceção da população negra, muito pouco representada.

"O presidente tem que trazer os soldados e reconhecer que errou", afirmou a estudante Lindsay Heiden, de 21 anos, após viajar 18 horas de ônibus desde Western Illinois University. Heiden é a responsável pelos cinco ônibus cheios de estudantes que voltarão nesta noite para casa, após o protesto.

"Queremos que nossa mensagem seja ouvida", acrescentou sua amiga Jessie Kallman, de 20 anos, enquanto preparava um cartaz.

"Bush não nos deixa ver nem os caixões. Ele os traz à noite, em segredo", comentou Beth Lemont, de 74 anos, voluntária de uma ONG na sede das Nações Unidas, em Nova York.

Grupos de budistas, franciscanos, nativos do Alasca e índios do Canadá se uniram para reivindicar paz nesta marcha com forte presença policial, na qual também estavam presentes grupos que apóiam a guerra no Iraque. Lemont disse que hoje os Estados Unidos são uma vergonha aos olhos do resto do mundo, pois de salvadores após a Segunda Guerra Mundial, os americanos se transformaram em invasores.

"Eu seria uma insurgente se fosse iraquiana", acrescentou.

A mesma razão trouxe de Seattle (Washington) Hannah Sadler, uma diretora de pessoal médico que organizou um protesto contra a guerra, realizado simultaneamente hoje em sua cidade. Grupos a favor do aborto e do casamento entre homossexuais aproveitaram o protesto para defender suas causas. Mas o protesto de hoje foi alimentado pela oposição à guerra do Iraque, talvez exaltada por causa da insatisfação com a lentidão da resposta do Governo ao desastre provocado pelo Katrina.

Publicado no UOL Notícias

Share

Comunicado importante

Depois de lutar muito contra a presença cada vez mais freqüente de spams nos comentários do RA (babozeiras em inglês oferecendo desde ração vegetariana para cachorro a livros chineses em braile), resolvi apelar para a ferramenta anti-spam do Blogger.

De agora em diante, nossos fiéis visitantes terão que decifrar um pequeno código de letras antes de enviar seus comentários. Sinto muito dificultar a vida de vocês, mas não dava mais para perder minutos preciosos da minha vida deletando lixo importado (e não reciclável) da terra do Bush.

Voltamos à nossa programação normal.

Share

sexta-feira, 23 de setembro de 2005


Alonso pode ser campeão domingo em Interlagos
(Foto Reuters)

Share

Na reta final

Virtual campeão da Fórmula Um em 2005, o espanhol Fernando Alonso fez o terceiro melhor tempo na primeira sessão de treinos livres para o GP do Brasil, que acontece no próximo domingo, ao que tudo indica, debaixo de muita chuva.

Share

Rio de Janeiro em dia de Nova Orleans

Notícias do front de Batalha:

* Chuva inferniza a vida do carioca nesta sexta-feira

* Zona sul foi a região mais atingida pelo temporal

* Deslizamento de terra e barracos em morro da Tijuca

* Árvore cai sobre carros estacionados no Centro

* Poças d'água fecham rua no Jardim Botânico

* Muro desabou sobre a Avenida Niemeyer

> Tem mais:

* Santos Dumont pára de operar devido ao temporal

* Chuva causa transtornos e alaga ruas em Botafogo

* Engarrafamento no Túnel Rebouças e ruas alagadas na Lagoa

* Trânsito na Barra está complicado, apesar de chuva ter reduzido

* Rua do Catete fica alagada

* Chuva prejudica visibilidade na Ponte

* Guarda Municipal interdita os dois acessos da Niemeyer

* Rua da Carioca está alagada e no Centro há muita água

* Trânsito complicado na Lagoa e no Túnel Rebouças

* Motoristas devem evitar o Alto da Boa Vista

Publicado no Cinzas de Batalha às 12:15h

Share

quinta-feira, 22 de setembro de 2005

Uma nova estação no ar

A primavera, que adentrou o gramado exatamente às 19:23h, deve trazer - ao invés de flores - muita água neste final de semana. De acordo com o Climatempo, teremos uma sexta-feira de temperatura amena (máxima de 26 graus em Resende), com grande possibilidade de chuva (90%) no decorrer do período.

Mesmo assim, confirma-se - até disposições em contrário - o sagrado chope depois do trabalho, acompanhado da tradicional conversa fiada envolvendo o PT e o Lula (que até pouco tempo atrás eram quase a mesma coisa), o Severino (que Deus o tenha) o Robinho (que fez gol hoje), o Fla (que empatou ontem com o Flu), o Rubinho (que agora virou assunto de BAR), os dias de confinamento do Maluf, o roubo milionário da Polícia Federal e o namoro do tio Glauco com a Lurdinha.

Significativamente, no país das CPIs, papo furado de botequim só esfria quando alguém pede uma pizza (ou quando cai um toró).

Share

Boas imagens de um dia de quinta


Na Espanha, mulher se encanta com uma obra de Picasso (EFE)

Share


A chegada do furacão Rita provoca fuga em massa no Texas (NYT)

Share


Robinho comemora o seu primeiro gol pelo Real Madrid (Foto EFE)

Share

quarta-feira, 21 de setembro de 2005


Rita Lee durante a gravação do primeiro "Madame Lee"

Share

Abaixo John Wayne! Viva Jeca Tatu!

Rita Lee antenada com o RA (ou vice-versa)

Trecho de entrevista da eterna roqueira à Folha Online, por ocasião do lançamento de seu novo programa "Madame Lee" no GNT:

Folha - Assiste a "América"?

Rita Lee - Não, aquela estética faroeste de araque me incomoda, é a primeira de Glória que não gosto. Acho porém que "Bang Bang", de Mario Prata, vai ser divertida porque trata do mesmo assunto, mas de um jeito esculachado. É uma pena o glamour que Glória Perez está dando aos rodeios. Ela, que conhece o que é violência, atrapalhou bastante o trabalho de entidades de defesa dos animais. Cheguei a conversar com ela sobre a possibilidade de também mostrar o outro lado, afinal Glória sempre divulga em suas novelas algumas causas importantes, e rodeios são um lixo cultural americanizado. Abaixo John Wayne! Viva Jeca Tatu!

Folha - Toparia fazer um debate para a Folha com o Zezé Di Camargo, que defende rodeios? Ele topa.

Rita Lee - Não vou fazer da defesa dos animais nenhuma plataforma para promover minha figura como artista. Se Zezé defende os rodeios, pior pra ele. Eu odeio rodeio! Tenho vasto material comprovando os maus-tratos que acontecem nos bastidores desses eventos. Se Zezé conhece os abusos e acha normal, sinto muito pela sua ignorância espiritual. Se desconhece, está na hora de conhecer.

Share

Adeus, Severino

Demorô!

Share

Contagem regressiva

Falta menos de duas horas para ficarmos livres de uma das figuras mais execráveis da história republicana. Severino Cavalcanti - o ainda presidente da Câmara dos Deputados - faz o seu discurso de renúncia logo mais às 17 horas.

Com o Maluf na cadeia e diversos deputados na boca da caçapa, dá até para sonhar que a justiça, enfim, começa a dar as caras nesse imenso e desigual país tropical.

Share


CNI/Ibope

Share

Aprovação a Lula cai 12 pontos em três meses

Do UOL Notícias

Pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta quarta-feira mostra que o índice de aprovação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva despencou dez pontos em três meses, de junho a setembro, indo de 55% para 45%.

Além disso, pela primeira vez desde que Lula assumiu, em 2003, a desaprovação é maior que a aprovação (49% x 45%). A confiança caiu 12 pontos e, numa disputa eleitoral pela reeleição, o presidente está tecnicamente empatado com José Serra (PSDB) já no primeiro turno.

A desaprovação a Lula subiu 11 pontos, saindo de 38% em junho para 49% em setembro. A avaliação de que o governo é ruim ou péssimo subiu dez pontos, indo de 22% para 32%. A avaliação de ótimo e bom caiu de 35% para 29%. A avaliaçao regular caiu de 41% para 36%.

A confiança dos entrevistados no presidente Lula também caiu, de 56% em junho para 44% neste mês.

Na enquete eleitoral, o presidente Lula (PT) e o prefeito de São Paulo, José Serra (PSDB), estão empatados tecnicamente na disputa pela Presidência em 2006.

O presidente Lula tem 33% das intenções de voto e Serra, 30%. Como a margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais para cima ou para baixo, há empate técnico. Na pesquisa anterior, Lula tinha 38% e Serra, 29%.

A pesquisa ouviu 2.002 eleitores entre os dias 8 e 12 de setembro, em 143 municípios.

Share

terça-feira, 20 de setembro de 2005


Foto de JR Duran

Share


Foto de JR Duran

Share

Futuros campeões

Comentário do fotógrafo JR Duran

A primeira campanha institucional em mídia impressa do Instituto Ayrton Senna, criada por Valdir Bianchi da FCB, utilizou as mesmas crianças que são as beneficiárias das ações do IAS. O capacete de Ayrton Senna é o símbolo do Instituto presente em todas as peças.

Share

segunda-feira, 19 de setembro de 2005


Ronald com a tímida dama Milena e com a sorridente mamãe Milene
(fotos revista Caras)

Share

Olha o Ronald aí, gente!

Ronald, filho do Fenômeno com a ex-rainha das embaixadinhas, Milene Domingues, já começa a pôr as manguinhas de fora. Cheio de chinfra e de confiança no próprio taco - que só a experiência de cinco anos de vida é capaz de proporcionar -, o elegante pajem Ronald Domingues Nazário adentrou a igreja Santuário Sagrado Coração de Jesus, em São Paulo, de braço dado com a bela dama Milena Bocci Dobra, também de cinco anos, por ocasião do casamento do tio Leandro Domingues, celebrado no último dia 6.

Trajando um impecável fraque e com os cabelos cuidadosamente cacheados, o fenomenozinho, que era só sorrisos, parecia dizer ao mundo: "me aguarde, porque eu ainda vou aprontar muuuuiiiito!"

Share


Ronaldinho, o preferido dos colegas (Reuters)

Share

O melhor do mundo

Publicado no UOL Esporte

O meio-campista Ronaldinho Gaúcho, do Barcelona, ganhou nesta segunda-feira mais um prêmio na carreira. Ele foi escolhido como o melhor jogador do mundo pela FIFPro (entidade que reúne os atletas profissionais de 40 países). O jogador foi o mais votado entre os 38 mil eleitores.

"É uma grande honra receber outro destes grandes prêmios. E este é especial porque foi escolhido pelos meus colegas jogadores", disse Ronaldinho.

No ano passado, Ronaldinho já tinha sido escolhido o melhor jogador do mundo na cerimônia realizada pela Fifa. O jogador terminou a última temporada com o título do Campeonato Espanhol, mas o Barcelona fracassou na Liga dos Campeões, sendo eliminado pelo Chelsea nas oitavas-de-final.

Além de Ronaldinho, a seleção ideal dos jogadores tem outros dois brasileiros, o goleiro Dida e o lateral-direiro Cafu. Ambos ajudaram o Milan a chegar ao vice-campeonato da Liga dos Campeões, perdendo a final para o Liverpool nos pênaltis.

A seleção ideal

A seleção ideal da última temporada tem apenas um "galáctico" do Real Madrid, o meia francês Zinedine Zidane. A lista ainda conta com o atacante camaronês Samuel Eto'o, companheiro de Ronaldinho no Barcelona:

Dida (Milan)
Cafu (Milan)
Alessandro Nesta (Milan)
John Terry (Chelsea)
Paolo Maldini (Milan)
Claude Makelele (Chelsea)
Frank Lampard (Chelsea)
Ronaldinho Gaúcho (Barcelona)
Zinedine Zidane (Real Madrid)
Samuel Eto'o (Barcelona)
Andriy Shevchenko (Milan)

Share

A agenda do Noblat

Segunda-feira 19

* O vice-presidente da República, José Alencar, participa de entrevista do programa Roda Viva, da TV Cultura, a partir das 22h30.

Terça-feira 20

* Lula visita as obras da plataforma P-50, a partir de 10h, em Niterói (RJ). Em seguida, se encontra com trabalhadores da indústria naval.

* CNI/Ibope pode divulgar nova pesquisa sobre a popularidade de Lula.

* O vice-presidente da República, José Alencar, filia-se ao PMDB.

* A bancada do PTB se reúne para discutir, entre outros assuntos, a posição da bancada em relação ao governo.

* A sub-relatoria da CPI dos Correios que investiga as agências de publicidade DNA e SMP&B, do empresário Marcos Valério Fernandes, ouve, às 14h, o presidente do banco BMG, Ricardo Guimarães.

* A CPI do Mensalão ouve, às 11h30, depoimento de João Cláudio Genu, assessor do PP.

* As CPIs dos Bingos, do Mensalão e dos Correios ouvem, em sessão conjunta às 11h30, depoimento do doleiro Toninho da Barcelona.

* A CPI dos Correios ouve o depoimento do advogado e sócio do empresário Marcos Valério, Rogério Tolentino, às 17h.

* O Conselho de Ética da Câmara ouve o diretor do BMG, Flávio Guimarães, como testemunha de acusação contra o deputado José Dirceu.

* Anthony Garotinho oficializa sua pré-candidatura à presidência da República pelo PMDB, em Brasília.

Quarta-feira 21

* Severino Cavalcanti discursa na Câmara e deve renunciar ao mandato de deputado federal.

* A CPI dos Correios e a CPI do Mensalão ouvem, em sessão conjunta, o depoimento do empresário Daniel Dantas.

Quinta-feira 22

* A CPI dos Bingos ouve o depoimento do deputado Luiz Eduardo Greenhalgh (PT-SP).

* O Conselho de Ética da Câmara ouve a diretora do Banco Rural, Kátia Rabelo, como testemunha de acusação contra o deputado José Dirceu.

Publicado no Blog do Noblat (link nos Favoritos do RA)

Share

domingo, 18 de setembro de 2005

Fábio leva o Fama

Terminou ontem mais uma edição do reality show Fama, com a vitória de Fábio. O baiano de Ilhéus venceu as outras duas finalistas, Shirle e Evelyn, com 46% dos votos, e o RA, que torcia por ele, considera o resultado mais do que justo. Se a gaúcha Shirle chegou a balançar o coração deste volúvel blog com sua beleza, charme e uma bela voz que, infelizmente, desagradou cantando Jobim (Só tinha de ser com você), a carioca Evelyn estava, desde o início, descartada por ser uma cópia fiel da Sandra de Sá, até na postura desengonçada no palco.

Fábio levou os prêmios (um carro zero, um show montado para percorrer o país e a gravação de um CD) cantando a música Volta Pra Mim, do Roupa Nova. Evelyn, por sua vez, escolheu para a final a antiga Canta Brasil, de David Nasser, enquanto Shirle interpretou (sem muita garra) As Curvas da Estrada de Santos, do Roberto Carlos.

Agora é aguardar para ver se algum deles (inclusive os outros que não chegaram à final) consegue se firmar no cenário musical brasileiro. Até agora, nas quatro edições do Fama, não apareceu ninguém que pudesse ser, nem de longe, comparado (como cantor) a Milton Nascimento, Djavan, Caetano, Tim Maia, Marisa Monte, Ana Carolina ou Cássia Eller. E o gozado é que nenhum dos citados (de um imenso universo de cantoras e cantores consagrados da MPB) precisou de programas como o Fama para chegar ao estrelato, o que prova que talento não se constrói, simplesmente nasce.

Share

O fim de Severino e a derrocada do PT

O Globo:"Baixo clero perde poder com fracasso de Severino" - Oposição e aliados não chegam a acordo sobre quem ocupará Presidência da Câmara.

Jornal do Brasil: "PT vai às urnas sob suspeita de fraude" - Sucessão no partido de Lula.

Folha de São Paulo: "PF busca elo entre doleiro de Collor e PT" - Najun Turner, que atuou na Operação Uruguai em 1992, seria dono da empresa que teria transferido dinheiro a indicados por Marcos Valério.

Share


A crise política continua nas capas das revistas semanais

Share

sábado, 17 de setembro de 2005


Ilustração publicada no site Canal Kids

Share

Lua cheia

Atenção, mais uma vez, lobisomens de plantão: só falta 3% para que a lua fique totalmente cheia, o que deverá acontecer nas próximas horas. Quem estiver saindo agora para a balada é bom ficar de olho: lobo em pele de cordeiro tem em toda parte, mas se de repente as mãos de seu parceiro (ou parceira) ficarem peludas, sai fora porque o bicho vai pegar!

Share

SOCORRO!!!

Neste exato momento (19:25h), o nosso RA está sendo impiedosamente atacado por um bando de hackers, postando os costumeiros comentários-armadilhas (adorei o seu blog, visite o meu, clique aqui)! São mais ou menos 13 bandidos (todos americanos), dispostos a detonar este humilde blog que não faz mal a quase ninguém. Não é a primeira, nem a segunda, muito menos a terceira vez que isso acontece. Já estou até me acostumando a deletar comentários em inglês. Pô, será que esse bando de mother-fuckers não tem mais o que fazer? Acho que eles ficariam muito melhor na fita se atacassem o Bush que, além de compatriota, é da mesma laia que eles.

Share


O pára-raios do edifício Solar do Rio absorve a eletricidade vinda do céu

Share


Da nuvem escura parte o raio que parece atingir o Manejo

Share


O céu noturno se ilumina todo com a queda de raios simultâneos

Share

Resende, de pontes, raios e sonhos

Ontem à tarde - mais ou menos 5 horas -, o céu começou a escurecer antes do tempo. Como estava muito quente para um dia de inverno, era grande a possibilidade de chuva, que parecia chegar bem devagarinho para surpreender todo mundo na saída do trabalho.

Não deu outra: a partir das 6 horas, o mundo desabou sobre Resende, na forma de tempestade de raios, ronco de trovões e a costumeira interrupção de energia elétrica (queria que alguém da Ampla me explicasse, um dia, porque toda vez que chove forte - tem vezes que basta uma ameaça - a cidade (principalmente Campos Elíseos) fica às escuras.

Ainda bem que antes que as luzes se apagassem (dessa vez, só por instantes), eu consegui fazer as fotos aí de cima. Das três, uma delas certamente será publicada na nova edição do "Resende - De Pontes, Rios e Sonhos", que não fosse o meu imenso desânimo em buscar novos patrocinadores (uma maratona altamente desgastante), já deveria estar na reta final. Vamos ver. Se eu não desistir de vez, antes do Natal o livrinho de capa vinho poderá ser encontrado novamente nas boas casas do ramo.

Share


Ilustração de Eder, publicada no sítio da Sosaci

Share

Vamos comemorar o Dia do Saci

Otacílio,

Estou em campanha para transformar o dia 31 de outubro em Dia do Saci. Peço a sua ajuda no já famoso blog para abrasileirarmos o Dia das Bruxas para o Dia do Saci. Veja o site www.sosaci.org. A idéia é chamar a atenção de todo o país para as comidas e doces feitos de abóbora, as histórias da mula-sem-cabeça e outros ícones genuinamente brasileiros.

Um grande abraço,

Celso Dutra.

Grande CD:

Que bela idéia, hein amigo? Eu também acho essa história de Haloween no Brasil uma coisa sem pé (olha o saci aí!) nem cabeça (olha a mula também aí!). Mais ou menos como o nosso maior símbolo de natal ser o bom velhinho encasacado em uma quentíssima roupa vermelha distribuindo presentes a bordo de um trenó puxado por renas em pleno verão tropical!!! É uma pena que a terra de Marlboro (e do Bush) tenha conseguido anular boa parte do riquíssimo folclore tupiniquim pela imposição agressiva de hábitos e costumes difundidos, a todo instante, em filmes, vídeos, jogos eletrônicos, jornais, revistas, programas de tevê, mac-lanches (felizes ou não) e em quase tudo o que nos cerca atualmente, esteja onde estivermos.

Até a novela, vista por muitos como um produto genuinamente nacional, achou por bem dar um curso intensivo de como entrar ilegalmente nos EUA e ganhar a vida em Miami dançando sobre as mesas de uma boate. Sem falar que a parte brasileira da tal novela - batizada muito apropriadamente de América - gira em torno de um bando de peões fantasiados de caubóis, desde a ponta das botas de bico fino às abas largas do chapéu de John Wayne.

Nesse caso específico do Haloween, o mais espantoso é que a maioria das nossas escolas já aderiu à nova data comemorativa do folclore "nacional"! Fotografando algumas dessas festas, eu sempre fiquei meio abobalhado no meio de tantas bruxinhas, duendes e gnomos gritando (em português!!): "tio, tira uma foto minha".

Por isso, quando li o seu legítimo apelo, corri para o sítio da Sociedade dos Observadores de Saci - a Sosaci - e me esbaldei com as histórias de quem jura de pés juntos já ter visto o moleque de uma perna só cachimbando à sombra de uma árvore. Adorei também a Galeria do Saci, com divertidas ilustrações do nosso herói feitas por artistas renomados, como o Ziraldo, pai da inesquecível Turma do Pererê. Finalmente, o atalho Saci e Cia me levou a rever alguns dos seus famosos companheiros, do Boitatá ao Lobisomem, da Iara ao Curupira.

Ao final da visita, somos convidados a assinar um manifesto em favor da instituição do Dia do Saci e seus amigos, a ser comemorado nacionalmente em 31 de outubro. Eu assinei (basta colocar o nome, o nº da carteira de identidade e a cidade onde mora) e espero que vocês façam o mesmo. Se todo mundo entrar nessa luta, muito em breve vai ter gringo despencando lá de cima do continente só para conhecer de perto um dos personagens mais fascinantes do imaginário popular brasileiro. E quando esse dia chegar, estaremos vingados, pois, mais vale um saci no mato do que mil bruxinhas voando.

Grande abraço pra você também.

Share

sexta-feira, 16 de setembro de 2005


radica

Share

quinta-feira, 15 de setembro de 2005

José Simão lê o RA?

Não sei não, mas estou desconfiado de que o grande Zé "Macaco" Simão anda freqüentando o nosso humilde e distante blog. Explico: ontem de manhã, postei uma foto do empresário Sebastião Buani com a legenda '"cheque"-mate na carreira política do Severino'. Hoje, acabo de ler no Portal UOL a seguinte manchete do Monkey News: 'Buemba! Deram um "cheque"-mate no Severino!'

Claro que estou brincando, já que a história do cheque do Severino é, na verdade, uma piada pronta. Com certeza, muitos - além de mim, do Zé Simão e do jornal O Globo (cuja manchete de hoje também faz referência ao "xeque-mate", com grafia correta mas sem trocadilho visual) - devem ter pensado (e escrito) a mesma coisa. O que prova que estamos, de certa forma, antenados e unidos na luta contra a safadeza que assola o país.

Share

quarta-feira, 14 de setembro de 2005


Roberto Jefferson dá adeus à Câmara dos Deputados
(Foto de Sérgio Lima/Folha Imagem)

Share

A novela de Jefferson acabou no meio de América

Enquanto o Brasil assistia América, o deputado Roberto Jefferson teve o seu mandato cassado por seus ex-colegas de trabalho. O placar foi de 156 votos contra e 313 a favor (além de 03 votos nulos, 05 em branco e 13 abstenções), completando um total de 490 votos.

Como só votaram 489 deputados, está passando um voto na contagem da mesa da câmara, o que, convenhamos não faz a mínima diferença, já que bastavam 257 votos a favor para a aprovação do parecer.

Vida que segue, vamos aguardar os novos e importantes acontecimentos da semana que, apesar de ter atingido o pico de máxima tensão hoje - com a comprovação do mensalinho do Severino e a cassação do Bob Jefferson - ainda promete grandes novidades.

Share

A hora e a vez de Roberto Jefferson

Depois de um discurso de quase uma hora de duração - quando foi aplaudido várias vezes em cena aberta -, o ainda deputado Roberto Jefferson aguarda, neste momento, o resultado da votação que decidirá o seu destino político. Durante a sua defesa, Jefferson, mais uma vez, arrebatou a platéia com as frases de efeito e a teatralidade que o tornaram famoso ao denunciar o esquema do mensalão.

A seu favor, ele tem a comprovação de quase todas as acusações contra integrantes do PT (Delúbio, Zé Dirceu, Sílvio Pereira, Genoíno e Gushiken, já afastados ou rebaixados de posto) e da base aliada (Valdemar Costa Neto e Bispo Rodrigues, que renunciaram aos mandatos, e José Janene, Sandro Mabel e Pedro Henry, entre outros, que aguardam as respectivas cassações). Contra ele, a confissão de ter aceito R$ 4 milhões do PT para financiar campanhas de integrantes do seu partido, o PTB.

Por isso, o resultado da votação é absolutamente imprevisível. Mas, aconteça o que acontecer, Roberto Jefferson já entrou para a história ao desvendar os esquemas de corrupção que, desde sempre, moveram (e ainda movem) a vida pública brasileira, seja em Brasília, em São Paulo (vejam o Maluf no xadrez!!), em Porto Velho ou em Resende. Graças ao grande Bob (que, parece, voltou a engordar), vai ser difícil nos enganarem novamente. Agora, até prova em contrário, todos são culpados.

Share


Publicado no JB Online

Share

Popularidade de Lula no fundo do poço

Do JB Online

A popularidade do presidente Luiz Inácio Lula da Silva despencou e chegou ao nível mais baixo desde a posse. Só num período de dois meses, entre julho e setembro, a avaliação do desempenho de Lula caiu quase 10 pontos, ficando em exatos 50%, contra 39,4% de desaprovação e 10,7% dos que não responderam. A 78ª CNT/Sensus trouxe outros números ruins para o presidente, diretamente relacionados aos escândalos em série que assolam o país há 100 dias. Para 48,9% dos entrevistados, por exemplo, a corrupção do atual governo é maior do que na última administração Fernando Henrique. Nem o pilar da economia estabilizada – principal trunfo do Planalto – tem hoje força suficiente para sustentar os antigos bons índices: a maioria dos entrevistados (52,1%) considera que a política econômica está sendo mal conduzida.

No mesmo dia em que os números eram divulgados, Lula fugiu à rotina, e, na Guatemala, resolveu dar uma rápida entrevista:

- Se fosse outro governo que estivesse enfrentando uma crise do tamanho da atual, os índices estariam “abaixo de zero”, comentou.

Share


"Cheque"-mate na carreira política do Severino (Foto AFP)

Share

Fim de papo

Do UOL Notícias

O empresário Sebastião Buani, envolvido no caso do suposto "mensalinho", apresentou nesta quarta-feira o cheque que comprovaria propina paga a Severino Cavalcanti, presidente da Câmara. A sacadora do cheque é Gabriela Martins, uma das secretárias do gabinete de Severino, e não um motorista do presidente da Câmara, como vinha sendo cogitado.

"Sempre disse que havia o pagamento do mensalinho feito em cheque, está aí a confirmação", disse Buani. O cheque, no valor de R$ 7.500, seria destinado ao pagamento de propina a Severino para prorrogar a concessão do restaurante da Câmara à rede Fiorella, de Buani. "O pagamento de R$ 7.500 era para completar o valor de R$ 10 mil que eu tinha que pagar".

Segundo o empresário, o valor pago não foi propina. "Eu fui extorquido. Eu não preparei nada, tenho argumentos para dizer, eu tenho a verdade. Se com tudo isso eu tiver que provar mais alguma coisa, vou achar que não dá para acreditar em mais nada no meu país", disse Buani, que passou a responder a perguntas dos jornalistas depois de mostrar o que seria a prova da propina.

Antes da apresentação do cheque, em entrevista coletiva à imprensa, o advogado de Buani, Sebastião Coelho fez um apelo ao "empresariado brasileiro" e pediu doações para que Buani pudesse quitar as dívidas.

Buani afirmou que Severino, que freqüentava o restaurante, pressionava-o pelos pagamentos. Segundo o empresário, o deputado diria, nas datas dos pagamentos acertados: "Não esquece que hoje temos nosso compromisso".

Pitaco do RA:

E o nosso famigerado PT (que não dá uma dentro!!!), como é que fica depois de ter acreditado no Severino, se recusando a assinar uma representação contra ele? Sinceramente, o partido do governo não precisa que ninguém o empurre para o buraco: ele sozinho dá conta do serviço.

Share


Alguns dos ícones do novo Windows Vista

Share

Novo Windows à vista

Será lançado, no início de 2006, o Windows Vista, que sucederá o bom XP "velho de guerra". Com grandes avanços no quesito segurança, o Vista chega também com mudanças no visual, abusando das transparências e das cores cítricas. Isso quer dizer que teremos, no mínimo, um sistema operacional fashion!

Em relação à segurança, é sempre bom lembrar que enquanto os funcionários do Bill Gates quebram a cabeça para desenvolver firewalls e outras ferramentas que inibam o incessante ataque de vírus, worms, trojans, adwares e malwares, os criadores dessas pragas virtuais também trabalham dia e noite para vencer qualquer barreira que os impeçam de invadir as nossas desprotegidas e inocentes máquinas.

Além disso, uma nova versão de sistema operacional vem sempre acompanhada de muitos defeitos de fabricação, os chamados bugs. Isso significa que alguns programas que rodam hoje direitinho no XP irão, certamente, enfrentar problemas quando utilizados no Vista, o que vale também para a instalação de antigos periféricos (nossas atuais impressoras, scanners, etc).

Não podemos esquecer que os incansáveis funcionários do BG estarão sempre corrigindo essas falhas e disponibilizando updates que não acabarão nunca. É que quando os erros de uma nova versão estão quase todos corrigidos, já é hora de lançar outra.

Share

terça-feira, 13 de setembro de 2005

Eu repilo

Navegando ao sabor das correntes pela infinita rede, encontrei o inimaginável: um blog de amigos do Zé Dirceu. É sério! Uma imensa página lotada de imensos posts defendendo o companheiro de todas as acusações que pesam contra ele. E tome-lhe biografia, elogios sem fim e protestos veementes contra os que querem derrubar "um verdadeiro ícone da luta pela democracia e pela justiça social no nosso país".

Diante disso, não vou ficar nem um pouquinho surpreso se no meu próximo passeio der de cara com um blog de amigos do Severino! Não que eu queira insinuar uma comparação entre os dois. Longe de mim tal heresia. Mesmo porque o Zé Dirceu, apesar do sotaque caipira, é muitíssimo mais refinado do que o Severino.

Para quem quiser fazer uma visita de solidariedade ao ex-chefe do Delúbio e do Silvinho Land Rover, basta clicar aqui.

Share

segunda-feira, 12 de setembro de 2005


A mais tradicional garagem de caminhões de mudanças de Resende

Share

No Jardim Tropical existe uma figueira

Já pensaram (prefeitura, dono do terreno e cidadãos em geral) na beleza que seria uma pracinha construída em volta da árvore mais bonita da cidade? Falar nisso, algum vereador já propôs o tombamento dessa maravilha pelo Patrimônio Natural do Município (o PNM, que, se não existe, deveria existir)? Comentários, e-mails ou cartas para a redação, por favor.

Share


O líder dos Rolling Stones bota a bocarra no trombone

Share

Mick Jagger ataca Blair e Bush

Publicado hoje na Folha Online

O cantor britânico Mick Jagger, vocalista da mítica banda de rock Rolling Stones, se disse "indignado" com a atitude do primeiro-ministro britânico, Tony Blair, com relação ao Iraque e duvida que o grupo possa algum dia se apresentar em Bagdá, em entrevista à revista espanhola "El País Semanal", publicada no último domingo.

No momento da invasão do Iraque, "me sentia ambivalente: acabar com Saddam Hussein era um presente para a humanidade e pensava que havia um plano coerente para pôr um pé no Iraque", afirmou.

"Agora conhecemos o memorando da Downing Street (o resumo de uma reunião do governo britânico de 23 de julho de 2002) e me indigna que Blair já soubesse que (o tema das) armas de destruição em massa eram uma simples desculpa e que não havia nada previsto para o dia seguinte", destacou o cantor britânico.

"Suspeito que nunca chegaremos a nos apresentar em Bagdá", disse o milionário roqueiro, que iniciou em 21 de agosto, em Boston, a 31ª turnê mundial do grupo.

Referindo-se a Bush: "eu acho que você é um monte de merda"

Jagger criticou ainda a coalizão militar coordenada pelos Estados Unidos no Iraque, que "enfrenta agora uma guerra de desgaste para defender um regime que parece muito preocupado com os direitos das mulheres e das minorias".

"A não ser que tomem medidas inteligentes, parte do Iraque acabará transformado em uma república islâmica, uma marionete de Teerã", acrescentou.

O novo álbum dos Stones, "A Bigger Band", lançado em 6 de setembro, já causou polêmica por causa de uma canção que ataca o presidente americano, George W. Bush, e seu entorno neoconservador.

Em "Sweet Neo Con", Jagger dispara: "Você se diz cristão, eu acho que é hipócrita/ Você se diz patriota, eu acho que é um monte de merda" ("You call yourself a Christian, I think your a hypocrite/ You say you are a patriot, I think you're a crock of shit").

Share

As armas de Severino

Fazendo minha visita matinal obrigatória ao Blog do Noblat, constatei um fato nunca visto: todos os posts publicados até agora (9 horas) referem-se a uma mesma pessoa, Severino Cavalcanti.

Quando resolveu negar ontem, em entrevista coletiva, todas as acusações que pesam contra ele no caso do restaurante do Congresso, o ainda presidente da Câmara deixou os deputados numa sinuca de bico: se obstruírem as sessões em protesto contra a sua desagradável presença, as possíveis cassações de Roberto Jefferson e demais coleguinhas serão indefinidamente adiadas; se comparecerem às sessões, quem continua indefinidamente no cargo é o próprio Severino.

Um impasse de matar de vergonha qualquer governo que tivesse deixado as coisas chegarem a esse ponto. Qualquer governo, menos o do presidente Lula, que luta com as mesmas armas de Severino para permanecer de pé.

Share

domingo, 11 de setembro de 2005


Homenagem às vítimas do 11 de setembro
(Foto Reuters)

Share

Nada a ver

Quatro anos sem as Torres Gêmeas. Três anos e meio de caos, destruição e milhares de mortos no Iraque (incluindo cerca de 2 mil soldados americanos). O que uma coisa tem a ver com a outra? Só o presidente Bush tem a resposta. Tão absurda quanto o seu governo.

Share

Manchetes do primeiro domingo de Maluf na cadeia

O Globo: "Filho de Maluf é preso e divide a cela com o pai" - Flávio chega algemado e ocupa cubículo de 10m2 com ex-prefeito.

Jornal do Brasil: "Brasília vai ao purgatório" - Os escândalos e os sete pecados capitais.

Folha de São Paulo: "Alencar se diz pronto para Presidência" - Vice afirma que mudaria imediatamente a política econômica se Lula deixasse o cargo, mas frisa que é contra o afastamento do presidente.

Share


A semana começa, mais uma vez, com a cara do Severino

Share

sábado, 10 de setembro de 2005


Maluf chega à sede da PF, após ter a prisão preventiva decretada
(Foto Marlene Bergamo/Folha Imagem)

Share

Maluf no xadrez

Acabo de ver, no Jornal da Globo, um apalermado Paulo Maluf chegando à sede da Polícia Federal em São Paulo, rodeado de um séquito de advogados e de puxa-sacos. Na mão direita, uma pequena mala e, nos olhos, o horror.

O ex-prefeito e governador de São Paulo se entregou depois de ter a prisão preventiva determinada pela Justiça, acusado de corrupção, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Sem dúvida, a cena mais impressionante da semana: um dos homens mais ricos e poderosos do país finalmente é preso, depois de anos e anos de tramóias, roubalheiras e falcatruas de todas as espécies.

É, também, a melhor notícia da semana. Mesmo que Maluf permaneça detido apenas uma noite, a imagem acima ficará para sempre na memória de todos os que ainda sonham com justiça no Brasil.

Share

sexta-feira, 9 de setembro de 2005


Sede da Kagada Corporation, na Ilha Fiscal de Kumaroto

Share

Conta secreta

Descoberto. Na Ilha Fiscal de Kumaroto, nossos repórteres fotografaram a Casa Bancária onde está a conta offshore de Duda Mendonça.

Publicado no Millôr Online (o primeiro dos Favoritos do RA).

Share

Corrupção fresca

Da coluna do Ancelmo Gois ontem, em O Globo:

O ator Antônio Fagundes explicando em entrevista a Marília Gabriela por que, apesar de tudo, pretende votar de novo no PT em 2006:

— Fiquei decepcionado. O PT mostrou que é igual aos outros. Mas voto no menos pior. E no PT a corrupção ainda está fresquinha.

Há controvérsia.

Publicado no Blog do Noblat (link nos Favoritos do RA).

Share


Foto de divulgação publicada no Uol Notícias

Share

Gisele nua e tatuada na tevê

Gisele Bündchen estréia nova propaganda na televisão, a partir de amanhã (sábado, dia 10). Nua, totalmente tatuada com motivos brasileiros, em campanha da W/Brasil.

Share

A face severina do Brasil

Trecho do comentário de Lucia Hippolito, hoje na CBN:

Os Severinos são uma das faces do Brasil de sempre. Afinal, somos um país onde convivem a mais sofisticada pesquisa de ponta na área da engenharia genética e gente morrendo de dengue, malária e tuberculose.

Um país que está às vésperas de se tornar auto-suficiente em petróleo e que mantém parte de sua gente na escuridão, sem energia elétrica.

Um país que produz aviões moderníssimos, mas não consegue fornecer saneamento básico às suas cidades.

Um país com uma das legislações ambientais mais modernas do mundo, que convive com a devastação da Amazônia, que caminha a passos largos.

Um país que já foi a terra das oportunidades e vê hoje parte de seus jovens largados no abandono, na ignorância e na fome, constituindo reserva de mão-de-obra para o tráfico e para o crime, enquanto uma outra parte, cada vez mais numerosa, se desencanta e vai buscar em terras estranhas as oportunidades que não encontra aqui.

Um país que conseguiu a façanha de colocar 97% de suas crianças em idade escolar nas salas de aula, mas continua pagando uma miséria aos professores que trabalham sem apoio, em construções caindo aos pedaços.

A face severina não é bonita, mas é parte do Brasil.

Os amigos do deputado Severino Cavalcanti estão aconselhando a antecipação de sua volta ao Brasil. Mas ele resiste e parece decidido a levar a programação (em Nova York) até o fim. Afinal, a última mordomia essa gente nunca esquece, né não?

Publicado no Blog do Noblat (link nos Favoritos do RA).

Share

Caminhada virtual rumo a Brasília contra a corrupção

Iniciada no dia 5 de agosto, a caminhada virtual rumo a Brasília já percorreu 308,2 Km. O total de participantes até agora é de 154.113 pessoas, todas elas cheias de vergonha, raiva, tristeza, nojo, descrença e perplexidade diante da sucessão de escândalos que desmoralizam o governo Lula.

Se você também quer mostrar a sua revolta, junte-se a nós: basta clicar na caixinha da e-indignação, localizada na coluna de links, no lado esquerdo da tela, abaixo do relógio.

Share

quinta-feira, 8 de setembro de 2005


Imagem publicada no site Humor Santista

Share

Que me perdoem os fanáticos, mas razão é fundamental

Pensei muito antes de colocar esta charge aí em cima. Afinal, ela mexe com os brios de muita gente. Antes que me crucifiquem, no entanto, vou logo avisando que votei sim no PT nas últimas eleições (não nas mais recentes, quando exerci o sagrado direito de não votar, justificando o voto). Torço sim pelo Flamengo, quando acho que o time merece a minha torcida (e isso exclui a presença de jogadores desleais como o Júnior Baiano ou "profissionais" como o Romário, que vestem qualquer camisa). E torcia sim pelo Rubinho, até ele assumir a confortável (e lucrativa) posição de capacho do alemão Schumacher, por quem tenho todo o desprezo do mundo. Quanto ao meio-alemão Guga, torci muito por ele na sua grande fase, antes dos problemas físicos e das cirurgias que o condenaram à posição de mero coadjuvante nos torneios internacionais (hoje torço apenas para que ele possa continuar jogando e se estabilize em algum lugar do ranking entre a 100a e a 200a posição, mas não assisto mais a seus jogos).

Isso posto, assumo que jamais fui petista, peesedebista, flamenguista ou qualquer coisa que implique em aturar pessoas ou situações não merecedoras de respeito. O meu fanatismo se resume à eterna admiração (e gratidão) por gente como o Senna, o Zico, o Oscar, o Chico, o Tom, o Milton, o Caetano, o Vinicius, o Millôr, o Bob Dylan, o John Lennon, o Cartier-Bresson, o Hemingway, o Fitzgerald, o Kerouac, o Woody Allen, o Machado de Assis, o Guimarães Rosa e o Graciliano Ramos. Acho que está de bom tamanho e não sobra lugar para agremiações políticas ou esportivas que, para vencer na vida, fazem qualquer negócio.

Share

quarta-feira, 7 de setembro de 2005


Capa do novo CD de Neil Young, "Prairie Wind"

Share