Já estão à venda os novos cartões-postais Resende de ORo

sábado, 25 de março de 2006

País gastou R$ 5,3 bilhões com o legislativo em 2005

Do site Contas Abertas

Para manter as investigações das CPIs, as discussões e votações de leis e, dentre outras atividades, o controle do orçamento da União, o país gastou cerca de R$ 5,3 bilhões no ano passado. A maior parte desse dinheiro - R$ 4,4 bilhões - foi usada para pagar salários e encargos sociais para parlamentares e servidores da Câmara e do Senado e os ministros e funcionários do Tribunal de Contas da União (TCU).

Juntos, esses órgãos que integram o poder legislativo federal, empregam cerca de 38 mil servidores públicos. De acordo com os dados do Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), o legislativo federal gasta cerca de R$ 732,8 milhões somente com gratificações por exercício de cargos e funções. Só as diárias e passagens custaram aos cofres da união mais de R$ 84,6 milhões.

Outros R$ 72,1 milhões foram gastos em serviços médicos e odontológicos e compra de materiais. O legislativo aplicou outros R$ 9,7 milhões na manutenção e aquisição de carros e na compra de materiais de copa, cozinha e limpeza. Com festividades, homenagens e aquisição de obras de arte foram gastos mais R$ 300 mil.

Pitaco do RA: Não custa nada lembrar que essa grana toda resolveria, entre outras coisas, os seculares problemas da seca e da fome no sertão nordestino. Para um presidente que sofreu na pele esse castigo, tamanha roubalheira deveria ter um significado ainda mais cruel. No entanto, pelos seus antecedentes, devemos acreditar que ele nunca soube de nada disso!

Share

0 Comments:

Postar um comentário

<< Home