Já estão à venda os novos cartões-postais Resende de ORo

sexta-feira, 28 de abril de 2006

Iraque já custou US$ 320 bi, diz relatório

Publicado na Folha Online

A Guerra do Iraque já custou aos EUA US$ 320 bilhões, e, mesmo que a retirada das tropas americanas comece neste ano, já terá custado mais do que a Guerra do Vietnã, segundo relatório divulgado pelo não partidário Serviço de Pesquisas do Congresso (CRS, na sigla em inglês).

A estimativa só poderá intensificar as preocupações geradas pela presença americana no Iraque, cujos custos diretos já chegam a cerca de US$ 6 bilhões por mês, ou US$ 200 milhões por dia.

O governo George W. Bush se nega a fornecer qualquer cifra global específica sobre o custo da guerra. Mas o Senado se prepara para aprovar em maio mais uma lei de gastos emergenciais, o que significa que o Iraque terá consumido US$ 101 bilhões apenas no ano fiscal de 2006, quase o dobro dos US$ 51 bilhões gastos em 2003, o ano da invasão -e tudo isso numa época em que o déficit orçamentário federal alcança níveis quase recordes.

Entretanto, segundo a análise do CRS, essas cifras são pequenas quando comparadas ao que ainda está por vir. Bush quer desesperadamente anunciar uma redução importante no contingente militar americano no Iraque, de 130 mil homens, antes das eleições parlamentares de novembro, nas quais a desilusão pública com a guerra ameaça resultar em uma catástrofe para os republicanos.

Entretanto, mesmo que tudo proceda relativamente bem, os custos da guerra até a conclusão de uma retirada feita em partes podem superar a marca dos US$ 370 bilhões. Isso tornaria o conflito do Iraque, que está em seu quarto ano, mais caro, em termos financeiros, do que a Guerra do Vietnã, que durou oito anos.

A Guerra do Vietnã custou 58 mil vidas americanas, muito mais do que os quase 2.400 soldados americanos mortos no Iraque até agora. Em valores atuais, porém, ela custou "apenas" US$ 549 bilhões, muito menos do que os US$ 690 bilhões do Iraque e da conta projetada em US$ 811 bilhões que inclui as guerras do Iraque e do Afeganistão.

Share

0 Comments:

Postar um comentário

<< Home