Já estão à venda os novos cartões-postais Resende de ORo

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Entrevista com Barra Mansa



Esta entrevista foi realizada em setembro de 2008 para o segundo número do jornal Campos Elíseos, editado por mim, e que, por motivos diversos, acabou não sendo impresso.

A ideia era, a cada número, apresentar um personagem popular no bairro, a exemplo do Coquinho, tradicional vendedor de amendoim (e coquinho) fritos, que foi o entrevistado da primeira edição do jornal.

Com a surpreendente eleição de Barra Mansa para a Câmara de Vereadores de Resende, considero este o momento ideal para publicar, enfim, a sua primeira e única (até agora) entrevista. (Nota: alguns números - como a idade do entrevistado - foram atualizados)

Nome, idade e local de nascimento: Meu nome é Carlos Augusto de Lima, tenho 50 anos e sou resendense.

Razão do apelido "Barra Mansa": Por causa do meu pai, pintor, que era de Barra Mansa.

Família: Sou o mais velho de oito irmãos. Tive mais dois irmãos, já falecidos. Meu pai e minha mãe também já são falecidos.

Estado civil: Sou "amigado" há mais de 30 anos e tenho três filhos.

Residência: Vivi muitos anos na Vila Militar e hoje moro na Cidade Alegria.

Tempo de trabalho: Entrego folhetos nas ruas há quase 30 anos.

Clientes: Tenho cerca de 150 clientes fixos em Resende, mas também trabalho em Itatiaia, Penedo e Volta Redonda, entregando folhetos de lojas de Resende que têm filiais nessas cidades.

Número de folhetos por cliente: A quantidade varia entre 3 mil e 15 mil folhetos. Um lote de 5 mil folhetos, por exemplo, eu entrego em cinco dias, o que dá mil folhetos por dia.

Locais de trabalho: Em Resende, os bairros onde mais entrego folhetos são, além de Campos Elíseos, Manejo, Paraíso, Itapuca e Liberdade.

Horário de trabalho: Começo a trabalhar às oito horas da manhã e volto para casa às 10 da noite.

Quanto cobra pelo trabalho: De R$ 20,00 a R$ 30,00 o milheiro distribuído.

Para quem entrega os folhetos: Geralmente para as pessoas que têm condição...

O que gosta na profissão: Os amigos que tenho em todos os lugares.

O que falta em Resende: Para mim, que trabalho na rua, bebedouros e banheiros públicos.

Dias de folga: Gosto de jogar tranca com os amigos.

Preferência musical: Música sertaneja. Zezé de Camargo e Luciano, Leonardo, Chitãozinho e Xororó...

Time de futebol: Flamengo, mas não sou fanático...

Publicado no Resende Afora.

Share

4 Comments:

At 10/10/12 15:58, Blogger Norival R. Duarte said...

Excelente entrevista, Otacílio, com essa pessoa simples e maravilhosa, que bem merece ser um representante do povo na nossa Câmara Municipal.

Grande abraço.

 
At 10/10/12 16:41, Blogger Otacílio Rodrigues said...

Obrigado, Norival!

 
At 10/10/12 17:34, Blogger C@urosa said...

Uma bela entrevista Otacílio, temas de interesse da população. O meu xará Barra Mansa é um cidadão que sempre lutou honestamente pela sua sobrevivência e de sua família e merece tudo o que está acontecendo de bom com ele. Parabéns pelo sensível trabalho.

PS: E, também pelas maravilhosas imagens fotográficas que ilustra o seu trabalho, obra de arte pura.Ás vezes eu "roubo" uma e uso no meu blog (sem fins lucrativos)rsrs

forte abraço

C@urosa

forte abraço

C@urosa

 
At 10/10/12 19:40, Blogger Otacílio Rodrigues said...

Sem problema, Carlos Augusto, pode "roubar" minhas imagens à vontade!

Eu também publico aqui no RA muitas fotos que não são minhas (sempre com os devidos créditos) e acho isso perfeitamente normal, desde, é claro, que não envolva transações publicitárias e/ou comerciais.

No mais, muito obrigado pelos elogios ao meu trabalho e um grande abraço pra você também!

 

Postar um comentário

<< Home